Livro da Bolsa

II – A Tendência - As Três Direcções da Tendência
Índice   •   Anterior   •   189 - 190 - 191 - 192 - 193   •   Seguinte
Como vimos o mercado é meio errático, e é composto
não por linhas rectas mas sim por subida e quedas
constantes de preços, mas que acabam por definir uma
tendência, pois se vão movendo numa certa direcção ao
longo do tempo, uma das três estudadas por nós acima.
Não é preciso ser-se um génio matemático para se
perceber que no gráfico acima há várias tendências
distintas.
Vamos tentar agora definir as tendências principais
visíveis no gráfico anterior:
Acabámos de ver desenhadas no gráfico acima, quatro
setas junto aos gráficos, representantes de quatro
pequenas tendências que ocorreram entre o fim do ano
de 2003 e meados de 2004 no câmbio
EUR
/
USD
.
Podemos identificar muito facilmente uma tendência
inicial de subida logo no princípio do gráfico.
Chegando ao topo, apesar de ser mais subjectivo,
vemos que durante o mês de Janeiro e parte do de
Fevereiro, a tendência de subida acabou, não havendo
também uma tendência de descida, havendo apenas
alguma oscilação nos mercados durante esses dias, mas
andando o mercado de lado, mantendo-se nos mesmos
níveis de preço, com uma amplitude de oscilações de
apenas quatro porcento nesses meses, mas acabando
www.LivroDaBolsa.com
Pág.
192
NOTA:
Os mercados são sempre
geralmente um pouco
erráticos, pelo que a meio
de uma subida, descida
ou mesmo tendência
lateral, há sempre
subidas e descidas, em
vários movimentos, e isso
faz com que se tenha de
ter alguma atenção antes
de se ver que tendências
existem num gráfico e
qual é a tendência actual.
Nota: Estas páginas poderão conter alguns erros de escrita devido à conversão automatizada para HTML, bem
como perda de qualidade das imagens, mas poderá ver a versão correcta e mais legível na versão PDF do livro.
Estas páginas em versão HTML não foram também preparadas para serem abertas no navegador IE.

Livro da Bolsa