Livro da Bolsa

I – Gráficos - Os Campos de Preço
Índice   •   Anterior   •   43 - 44 - 45 - 46 - 47 - 48   •   Seguinte
Vejamos o seguinte gráfico:
Apesar de por este gráfico só podermos visualizar os
Fechos, dá para termos ideia de que os dados Máximo,
Mínimo e Abertura também são importantes, mas
relativamente ao seu uso nos gráficos, será algo que
iremos estudar posteriormente com os Gráficos de
Barras e outros, pois nos actuais Gráficos de Linhas,
cujos pontos representam apenas os valores de Fecho
de cada período nestes exemplos, seria impossível ver
neles representados também os valores de Abertura,
Máximo, e Mínimo ao mesmo tempo.
Poderíamos apenas ter representados Gráficos de
Linhas apenas com valores de Mínimo, ou Máximo ou
mesmo Abertura de cada período, mas isso seria algo
inútil por um lado, pois o valor mais importante de cada
período será em princípio o valor de Fecho do mesmo, e
daí ser o valor escolhido por defeito para ser
representado em gráficos que apenas nos permitem ver
representados um valor por cada período de tempo: os
Gráficos de Pontos e os Gráficos de Linhas.
www.LivroDaBolsa.com
Pág.
47
NOTA:
Só a partir dos Gráficos
de Barras
OHLC
e
Gráficos de Velas
Japonesas é que já
teremos acesso a todos
os campos de preço,
Abertura, Máximo,
Mínimo e Fecho.
Nota: Estas páginas poderão conter alguns erros de escrita devido à conversão automatizada para HTML, bem
como perda de qualidade das imagens, mas poderá ver a versão correcta e mais legível na versão PDF do livro.
Estas páginas em versão HTML não foram também preparadas para serem abertas no navegador IE.

Livro da Bolsa