Livro da Bolsa

V – Padrões das Velas Japonesas - Gap de Alta Com Dois Corvos (Upside Gap Two Crows / Narabi Kuro)
Índice   •   Anterior   •   519 - 520 - 521 - 522   •   Seguinte
Em termos de comportamento dos
traders
que
participaram na formação deste padrão, o que podemos
deduzir é simples: o mercado está numa tendência de
subida, e após aquela vela longa branca, abre em
gap
no dia seguinte.
Contudo a formação de novos máximos aliado ao
gap
acabam por levar alguns
traders
a fecharem posições
longas, assumindo mais-valias, ou mesmo invertendo
posições, não servindo o
gap
nem os valores máximos
atingidos para evitar que a vela feche em queda,
formando uma vela negra.
De qualquer das formas, não é uma quebra
suficientemente grande para provocar medo suficiente
aos
bulls
que continuam seguros por a vela ter fechado
ainda assim acima do
gap
que não foi preenchido em
relação à primeira vela, nem para dar
força aos
bears
.
A terceira vela, contudo, acaba por aumentar o
sentimento
bearish
, ao criar um novo máximo mas ao
falhar ao mesmo tempo a tentativa de manter esses
níveis máximos até ao fim, fechando como vela negra
novamente, e ainda por cima fechando abaixo do Fecho
da vela anterior, criando assim uma
Bearish Engulfing
Line
, que é já por si um padrão
bearish
, mas
mantendo-se ainda acima do
gap
, vindo depois a
pertinente questão: “Se o mercado estivesse com força
para subir mais, porque falharia ao tentar manter-se ao
nível dos valores máximos que atinge, e fechando cada
vez mais abaixo.".
A resposta é simples, a força dos
bulls
não é tanta como
se pensava, e assim que o mercado se apercebe disso,
e que futuras quebras se avizinham, o caminho seguinte
é o da descida, e novas quedas têm origem.
Concluindo, este é um padrão fácil de identificar, e que
frequentemente sinaliza uma reversão de tendência no
mercado, dando origem a uma nova tendência de
www.LivroDaBolsa.com
Pág.
521
Nota: Estas páginas poderão conter alguns erros de escrita devido à conversão automatizada para HTML, bem
como perda de qualidade das imagens, mas poderá ver a versão correcta e mais legível na versão PDF do livro.
Estas páginas em versão HTML não foram também preparadas para serem abertas no navegador IE.

Livro da Bolsa