Livro da Bolsa

I – Gráficos - Gráficos Kagi
Índice   •   Anterior   •   175 - 176 - 177 - 178   •   Seguinte
GRÁFICOS
KAGI
Vamos agora estudar um outro tipo de gráficos,
novamente fruto da imaginação dos
traders
Japoneses
do passado, os Gráficos
Kagi
.
Estima-se que este tipo de gráficos tenham sido criados
por volta da altura em que o Mercado de Acções
Japonês começou a funcionar, por volta de 1870.
Tal
como o gráfico anterior e outros como os gráficos de
Ponto e Figura, os gráficos
Kagi
também ignoram a
passagem do tempo, e baseiam-se puramente na acção
dos preços, e são desta forma também desenhados de
maneira diferente dos anteriores.
Este tipo de gráficos é desenhado através de uma série
de linhas verticais todas interligadas entre elas, onde as
direcções das linhas e a sua espessura ou cores são
escolhidas de acordo com a acção dos preços, tal como
no tipo de gráficos anterior.
Nestes gráficos, se os preços continuam a mover-se na
mesma direcção, a linha actual estende-se
verticalmente, mas se os preços revertem o seu sentido
por um determinado valor de reversão, então nesse
caso uma nova linha
Kagi
é desenhada numa nova
coluna.
www.LivroDaBolsa.com
Pág.
176
NOTA:
Os Gráficos
Kagi
são mais
uma metodologia gráfica
semelhante aos de Ponto
e Figura e
Three Line
Break
, no sentido em que
ignoram a passagem do
tempo e baseiam-se
puramente na acção dos
preços.
Nota: Estas páginas poderão conter alguns erros de escrita devido à conversão automatizada para HTML, bem
como perda de qualidade das imagens, mas poderá ver a versão correcta e mais legível na versão PDF do livro.
Estas páginas em versão HTML não foram também preparadas para serem abertas no navegador IE.

Livro da Bolsa