Livro da Bolsa

I – Gráficos - Gráficos Three Line Break
Índice   •   Anterior   •   166 - 167 - 168 - 169 - 170 - 171 - 172 - 173 - 174   •   Seguinte
aproveitando pequenos movimentos de preço, tendo ido
ao invés disso, contra os preços e fechado com alguma
sorte com algum lucro positivo em várias, mas dá para
ver que não se deve usar este tipo de sistema em
mercados com tendência lateral e instáveis.
De
qualquer das formas, muitos
traders
, estão
dispostos a aceitar esses sinais tardios e essas
pequenas desvantagens que esse sistema lhes dá, e
com isso aceitarem o não aproveitamento de alguns
movimentos de preços na sua totalidade como pudemos
ver no exemplo acima, ou mesmo assumirem prejuízos
por vezes com sinais falsos e irem contra a tendência
muitas vezes, simplesmente por saberem que este tipo
de gráficos lhes permite apanhar bem as tendências
maiores, sendo um sistema bom para quem queira
apanhar tendências e deixar-se ir nelas até que
acabem, especialmente investidores a mais longo prazo,
que novamente, como pudemos ver acima, acabou de
dar um lucro de perto de 1.000
pips
a quem o usou.
De qualquer das formas este sistema pode ser adaptado
também a curto prazo e não apenas a longo prazo.
Nós podemos ajustar a sensibilidade do critério de
reversão do sistema simplesmente mudando o número
de linhas após as quais uma vela de cor diferente
origina uma nova ordem inversa, que por defeito é três,
como o próprio nome indica.
Por exemplo, os
traders
que investem mais a curto
prazo, podem usar duas linhas como critério para definir
inversões em vez das três por defeito, algo que faria
com que existissem mais inversões, e
consequentemente mais sinais de compra e venda, os
quais seriam dados mais cedo também, o que por um
lado ajudava-os a aproveitar melhor os pequenos
movimentos de preços e sair a tempo dos mesmos,
apesar de poder provocar também mais sinais falsos,
mas que acabaria por dar um número muito maior de
ordens do que se fossem usadas três linhas como
www.LivroDaBolsa.com
Pág.
173
NOTA:
Quando falamos em
lucros nos mercados
cambiais,
Forex
,
referimo-nos
normalmente a
pips
, até
porque esse número de
pips
ganhos numa ordem,
poderão representar
diferentes ganhos
percentuais, com base na
alavancagem utilizada e
no próprio preço do par
cambial e assim a
quantidade percentual
que cada
pip
representa a
dado momento. Este
tema não é explorado
neste volume, pelo que
quem desejar saber mais
deverá indagar um pouco
sobre
pips
e o
Forex
.
Nota: Estas páginas poderão conter alguns erros de escrita devido à conversão automatizada para HTML, bem
como perda de qualidade das imagens, mas poderá ver a versão correcta e mais legível na versão PDF do livro.
Estas páginas em versão HTML não foram também preparadas para serem abertas no navegador IE.

Livro da Bolsa