Livro da Bolsa

IV – Linhas de Tendência - Falsos Sinais, Falsos Rompimentos, Spikes e Filtros
Índice   •   Anterior   •   423 - 424 - 425 - 426 - 427 - 428 - 429 - 430   •   Seguinte
Acontece
muito que os investidores tenham os seus
stop losses
definidos perto dessas linhas de tendência, e
ao serem atingidas, são accionados, e aumentam assim
dessa forma o movimento de preços que rompe a linha
com força, fazendo-nos pensar que é um rompimento
válido sendo no fundo falso, entre outras causas para
este tipo de acontecimento.
Se virmos uma linha de suporte, que é rompida, e
existirem muitos investidores com
stop losses
nesse
nível, os mesmos serão accionados automaticamente e
serão fechadas as posições referentes a eles, e dessa
força a venda é pressionada e fará cair ainda mais os
preços, fazendo com que o rompimento pareça válido.
Contudo, se não existir real intenção de venda por parte
dos investidores, se a linha não é quebrada por força
dos investidores mas sim por outras razões como esta
mencionada acima, os preços tenderão a acabar por
voltar acima dessa linha de suporte.
O mesmo se passa com linhas de resistência e
investidores com
stop losses
das suas posições curtas
no mercado.
Várias causas deste género acabam por causar aquilo a
que normalmente se chamam de
spikes
, que são
basicamente variações muito bruscas e rápidas dos
preços mas que após as mesmas, os preços voltam ao
seu nível inicial, quer sejam causadas por accionamento
de
stop losses
, falsas notícias, erros em ordens dadas
com muito dinheiro, etc.
O
importante é que se a variação for causada por
motivos contrários ao da vontade dos mercados, os
preços voltarão aos níveis iniciais e não passarão de
simples
spikes
ou falsos sinais num histórico de preços.
www.LivroDaBolsa.com
Pág.
425
NOTA:
Uma das explicações para
este tipo de fenómenos é
o de por vezes os
traders
terem os seus
stop losses
definidos nesse nível e
assim que os preços
rompem esse nível, os
stop losses
ao serem
fechados acabam por dar
mais força a esse
movimento que rompe a
linha, para depois, dado
não ter mais força de
especial além fechos dos
tais
stop losses
, os preços
acabarem por voltar atrás
dessa mesma linha de
tendência. Como exemplo
podemos ver uma linha
de resistência, onde
hajam
stop losses
definidos de posições
curtas, e os preços ao
tocarem na mesma,
accionam os
stop losses
dessas posições
definidas, e elas serão
fechadas efectuando
compras, e provocando
assim pressão na procura
e fazendo subir mais um
pouco mesmo que não
hajam
traders
a
pressionar essa mesma
subida.
NOTA:
Por vezes há variações
muito bruscas e rápidas
de preços e em que
posteriormente voltam
esses preços aos seus
níveis normais, sendo
essas variações
chamadas de
spikes
.
Nota: Estas páginas poderão conter alguns erros de escrita devido à conversão automatizada para HTML, bem
como perda de qualidade das imagens, mas poderá ver a versão correcta e mais legível na versão PDF do livro.
Estas páginas em versão HTML não foram também preparadas para serem abertas no navegador IE.

Livro da Bolsa