Livro da Bolsa

III – Suportes e Resistências - Inversão de Papeis (Resistência Torna-se Suporte e Vice-Versa)
Índice   •   Anterior   •   233 - 234 - 235 - 236 - 237 - 238 - 239   •   Seguinte
Vejamos outro exemplo retirado do par cambial
Euro/Dólar novamente, em velas semanais:
Podemos ver aqui como alguns níveis de preços acabam
por servir de suportes e resistências fortes para os
preços, impedindo quedas ou subidas dos mesmos,
ajudando assim a formar as ondas que vemos nos
gráficos habitualmente.
Há muito mais linhas de suporte e resistências neste
gráfico do que as apresentadas, e nem são todas estas
apresentadas as que melhor representam esses
conceitos, mas servem para demonstrar a existência
desses suportes e resistências, que apesar de invisíveis
sem estas linhas estarem desenhadas, não deixam de
existir, exercendo forças invisíveis nos preços.
Há também linhas de suporte e resistência que não
estão representadas possivelmente como deveriam para
serem perfeitas, como é exemplo a linha dos 1,2705,
cujo nível de suporte e resistência deveria ser o 1,2700
e não o 1,2705, por ser um “número redondo", conceito
esse que iremos estudar posteriormente, tendo sido
desenhada cinco décimos milésimos acima apenas por
uma questão de ficar bem visível no gráfico o seu efeito
nos preços.
www.LivroDaBolsa.com
Pág.
239
NOTA:
É de notar que, tal como
acontece com as Linhas
de Tendência que iremos
estudar mais abaixo, as
linhas que representam
os Suportes e
Resistências devem se
possível ser desenhadas
com uma linha com um
pouco mais de espessura,
pois os toques ou
aproximações às linhas
não têm de ser precisos
ao milímetro para existir
uma reacção, e desta
forma uma linha com
mais espessura faz-nos
ver melhor essa
aproximação das mesmas
pois a linha ficará mais
perto dos preços.
Podemos e devemos
também colocar as linhas
com maior importância
com mais espessura do
que as que têm menor
importância.
Nota: Estas páginas poderão conter alguns erros de escrita devido à conversão automatizada para HTML, bem
como perda de qualidade das imagens, mas poderá ver a versão correcta e mais legível na versão PDF do livro.
Estas páginas em versão HTML não foram também preparadas para serem abertas no navegador IE.

Livro da Bolsa