Livro da Bolsa

III – Suportes e Resistências - O Volume na Confirmação das Penetrações
Índice   •   Anterior   •   274 - 275 - 276 - 277 - 278   •   Seguinte
preços do que nas anteriores, havendo menos
probabilidades de falhar.
Se repararmos, a barreira foi quebrada com bastante
Volume, houve um arrependimento momentâneo dos
traders
que levou os preços até perto da agora
resistência dos 1.000 pontos, aliado a alguma redução
do Volume, e continuando a sua subida posteriormente
sempre com um bom nível de Volume, algo que faltou
nas alturas em que aconteceram as tentativas falhadas
anteriores de rompimento da barreira dos 1.000 pontos,
o que nos mostra o quão importante o Volume pode ser
nestes casos.
O
Volume é assim uma boa forma de quantificar as
expectativas de um determinado número de
traders
do
mercado, que poderá ser alto ou baixo, associadas a
essa penetração dessa barreira que poderá ser um
suporte ou uma resistência.
Se existir um aumento de Volume durante essa
penetração, e especialmente se for notado uma redução
de Volume durante o
traders’ remorse
(demonstrando
falta de força por parte dos
traders
que querem
contrariar a penetração), será fácil de deduzir que
poucas expectativas de mercado terão sido alteradas
após essa penetração, e que o regresso ao movimento
de preços na direcção da penetração deverá por isso
continuar.
www.LivroDaBolsa.com
Pág.
278
NOTA:
Se após a penetração da
barreira,
no
arrependimento dos
traders
que faça com que
os preços retornem à
barreira, o Volume cair,
será sinal de que não há
força por parte dos que
são contra a penetração e
por isso a penetração terá
mais probabilidades de
ser bem sucedida.
Nota: Estas páginas poderão conter alguns erros de escrita devido à conversão automatizada para HTML, bem
como perda de qualidade das imagens, mas poderá ver a versão correcta e mais legível na versão PDF do livro.
Estas páginas em versão HTML não foram também preparadas para serem abertas no navegador IE.

Livro da Bolsa