Livro da Bolsa

II – A Tendência - Os Traders e as Tendências
Índice   •   Anterior   •   200 - 201 - 202 - 203 - 204 - 205 - 206   •   Seguinte
origem
a ferimentos e a faca acabar por cair na mesma,
o que no caso dos investimentos, pode dar origem a
que o activo financeiro continue a cair após o
trader
abrir posição, causando-lhe ferimentos na carteira,
devido aos prejuízos da posição errada que acabou de
assumir.
Especialmente no Forex, esse ditado aplica-se
literalmente tanto às subidas como às quedas de
preços, pois no fundo quando a cotação do par cambial
Euro/Dólar está a subir, no fundo pode-se dizer que a
cotação do par cambial Dólar/Euro está a cair, pelo que
a subida do Euro face ao Dólar, será a queda do Dólar
face ao Euro, ou seja um
trader
cuidadoso também não
abrirá posições curtas, apostando na queda de um par
cambial, a meio de uma subida forte do mesmo, sem
ver primeiro sinais de inversão ou mesmo o início da
mesma.
Concluindo, devemos sempre prestar o máximo de
atenção à tendência corrente e futura, e evitar ir contra
a mesma em todas as ocasiões, a não ser para quem
tem motivos fortes para pensar que a mesma irá
inverter em breve e bastante experiência adquirida.
www.LivroDaBolsa.com
Pág.
206
NOTA:
Uma frase famosa dos
mercados é: “
never try to
catch a falling knife
" e
seria algo como “nunca
tente apanhar uma faca
em queda". Poderá
representar algo como
existir uma tendência
forte de queda, e um
trader
pensar “já caiu
muito, não deve cair
mais", ou outro
pensamento errado como
“está já muito barata", e
assim entrar no mercado
contra a tendência, e os
preços continuarem a cair
e perder dinheiro. Quem
tenta apanhar uma faca
em queda, magoa-se.
Nota: Estas páginas poderão conter alguns erros de escrita devido à conversão automatizada para HTML, bem
como perda de qualidade das imagens, mas poderá ver a versão correcta e mais legível na versão PDF do livro.
Estas páginas em versão HTML não foram também preparadas para serem abertas no navegador IE.

Livro da Bolsa