Livro da Bolsa

IV – Linhas de Tendência - Como Desenhar Uma Linha de Tendência
Índice   •   Anterior   •   360 - 361 - 362 - 363 - 364 - 365 - 366 - 367 - 368 - 369 - 370 - 371 - 372 - 373   •   Seguinte
Vejamos o começo deste novo exemplo, onde iremos
desenhar a nossa primeira linha de tendência:
Aqui está a nossa primeira linha de tendência.
Como podemos ver, até talvez se pudesse teoricamente
dizer que já teve o seu ponto de confirmação, apesar de
não ser uma confirmação muito forte, pois os dois
pontos de teste estão muito próximos, já é contudo
uma linha de tendência a ter em atenção.
Já tocaram sete vezes os preços nesta linha de
tendência, apesar de terem sido em apenas duas ou
três áreas de contacto, por estarem muito juntos os
pontos nesta periodicidade, mas mais visível noutras.
Mas claro que não iríamos andar este tempo todo, com
os preços a subirem para longe da nossa linha de
tendência, sem criar outras que mais se aproximassem
dos preços, pelo que iremos criar outra logo ao vermos
que há um novo fundo acima do nosso suporte já
desenhado.
www.LivroDaBolsa.com
Pág.
367
Nota: Estas páginas poderão conter alguns erros de escrita devido à conversão automatizada para HTML, bem
como perda de qualidade das imagens, mas poderá ver a versão correcta e mais legível na versão PDF do livro.
Estas páginas em versão HTML não foram também preparadas para serem abertas no navegador IE.

Livro da Bolsa